quarta-feira, 25 de abril de 2012

sexta-feira, 20 de abril de 2012

segunda-feira, 16 de abril de 2012

Terapia do Patchwork

Entre fios e agulhas, panos e máquinas de costura, acabamos encontrando a tranquilidade, o extravasamento de nossa criatividade, um pouquinho de nós que se materializa em poesia na forma de tecidos costurados.
A arte de costurar pode ser descrita como juntar pedaços de si mesma, colar sonhos, presentear esperanças, distribuir carinhos feitos à mão.
Escrevo essa pequena introdução inspirada no email recebido de uma querida aluna, intitulado "Minhas criações terapêuticas", que eu gostaria de dividir com vocês, a respeito de como um trabalho manual também pode ser um aliado e querido companheiro nos momentos difíceis:

“Querida Berenice, ainda bem que aprendi patchwork contigo, mas principalmente a tentar ir além, por conta própria, sem medo de errar ou ter que refazer. Durante este período de quimioterapia não tomei nenhum remédio de tarja preta...mas muitos tecidinhos de tarjas coloridas me fizeram companhia e me ajudaram a superar momentos de ansiedade intensa.
No Natal fiz bolas para enfeitar minha árvore e na Páscoa fiz trilhos de presente. Vão algumas fotos para te sentires contemplada no que me ensinaste e no bem terapêutico que tudo isto tem.
Bjos.
Marilia”


Trabalhos da Marilia

Obrigada Marilia, pela generosidade em me permitir dividir seu lindo email aqui no blog.

"O que guardamos, perdemos. Mas o que damos aos outros conservamos para sempre."  Gabriel Henrique Spinelli

Flor de Gengibre

Você sabia que do gengibre nascem lindas flores?